VOZ ONLINE

Uma Contra a Corrente

A VOZ ONLINE é um projecto de rádio que pretende juntar pessoas, para quem a rádio é um mistério, uma paixão, e que tenham uma vontade de fazer rádio.

A nossa equipa tem uma experiência bastante diversificada, em comum a ideia de fazer uma rádio com gente dentro. Mas estamos aqui para apoiar novas ideias. Somos uma rádio de microfone aberto para a sociedade e para a diversidade.

Mas para isso, necessitamos de outras pessoas para quem a rádio ainda é um mistério e que não enjeitam um desafio.

A tua colaboração pode ser variada. Recolha de sons e vozes na cidade, procurar e dar a conhecer novas conversas, novas músicas, o saber popular, as imagens, a cidadania.

Queremos ser diferentes, queremos fazer diferente, uma rádio para as pessoas, com as pessoas e pelas pessoas.

Vem colaborar com a VOZ ONLINE.

 

RASCUNHOS

Cristina Alves entrevista Miguel Jorge na próxima emissão de Rascunhos, esta quarta-feira, às 20h.
Miguel Jorge, ilustrador que trabalha para várias revistas e jornais, como Correio da manhã ou o Expresso, é, também, autor de banda desenhada. Mais recentemente lançou o projecto Apocryphus, um projecto que tem por objectivo remunerar adequadamente os autores de banda desenhada, distribuindo os lucros pelos autores que participam no projecto. Miguel Jorge esteve à conversa connosco falando dos desafios enquanto autor de banda desenhada e enquanto editor da Apocryphus.

DA NOITE AO SILÊNCIO

Na edição da próxima terça-feira, Da Noite ao Silêncio, é dedicado a Pier Paolo Passolini, assassinado à 43 anos a 2 de novembro de 1975. Três obras musicais que homeageiam o cineasta, escritor, jornalista e poet, que nasceu em Bolonha a 5 de março de 1922:

Andrea Del Monte - Caro Poeta, Caro Amico, Antonio Farao - Takes on Pasolini e Aisha Cerami, Nuccio Siano & Roberto Marino - La Canzioni de Pier Paolo Passolini.

Terça-feira, às 22h.

LADO B

“O Gosto dos outros” é um filme. Mas também é o nome de um encontro que aconteceu na Gulbenkian no passado Sábado. Nuno Artur Silva, comissário do Encontro, juntou uma série de gente para falar e pensar sobre o gosto. A Voz Online esteve lá e hoje o programa é dedicado ao Gosto dos Outros. Entre as 21h00 e as 22h00 não perca!

DISCOCRACIA

“A ARTE, O ARTISTA E A SOCIEDADE”

Numa entrevista de carreira, a propósito da atribuição aos Cure do prémio Godlike Genius, Robert Smith falou sobre aquela que é uma das canções mais populares da banda.
" Friday I'm In Love não é uma obra genial, mas tem uma sequência muito boa de acordes. Nem acreditava que nunca ninguém a tivesse usado e, como as drogas me faziam paranóico, andava sempre a dizer às pessoas: 'Devo ter roubado isto a alguém, não posso ter sido eu a inventar isto'".
"Telefonava às pessoas, cantava a música e perguntava-lhes: 'Já ouviste isto? Como é que se chama?”.
São conhecidas as influências de Robert Smith, desde os Joy Division, a David Bowie, Roxy Music, Television, The Velvet Underground Buzzcocks, Can, Jimi Hendrix, Led Zeppelin, The Beatles, The Clash e… a lista não se fica por aqui.
A propósito das dúvidas de Smith e do tema, passamos a citar um ensaio de uma das figuras incontornáveis do século XX em Portugal.
"A influência e os reflexos da vida social na criação artística podem ou não depender da vontade do artista. Em qualquer caso são uma realidade objectiva."
"Quando se fala de uma arte voltada para o povo, para a sua vida e as suas aspirações e da mensagem que o artista, com a sua obra, leva ao povo, não se pretende que, no domínio da arte e da criatividade artística, o povo seja apenas objecto e destinatário. O povo é também autor, é também criador de valor estético. A criação popular funde o talento individual com o talento colectivamente considerado.
"A imaginação artística dos povos envolve gerações, num quase inimaginável longo processo criativo, que, mantendo vivas mesmo que não evidentes as origens, as enriquece e traduz com elementos e valores estéticos novos."
"Arte é liberdade. É imaginação, é fantasia, é descoberta e é sonho. É criação e recriação da beleza pelo ser humano e não apenas imitação da beleza que o ser humano considera descobrir na realidade que o cerca” - Álvaro Cunhal 1996

Propostas para a emissão:
ABERTURA - The Cure / Friday I’m in Love
LANÇAMENTOS:
- Interpol ‎/ Marauder
- Fictionist / Sleep Machine
- Art d'Ecco ‎/ Trespasser
FECHO - T. Rex / Get it On

Sexta-feira, às 20h, com Mano Jorge

OS CANTOS DA CASA

Amélia Muge ― ARCHiPELAGOS ― Passagens, 2017.
Azeitonas ― Banda sonora, 2018.
Pedro Caldeira Cabral ― Encontros, 1982.
João Paulo Rosado ― Sinopse, 2016.
Patinho Feio ― A verdade que convém, 2018.

Quarta-feira, às 21h, com Octávio Fonseca e Pedro Ramajal

OS CANTOS DA CASA

Jorge Palma ― Só ao vivo, 2017.
Os Músicos do Tejo ― From baroque to fado: A journey through portuguese music, 2017.
Carlos Mendes ― Triângulo do mar, 1982.
Luís de Freitas Branco ― Symphony No. 2 / After A Reading Of Guerra Junqueiro / Artificial Paradises, 2009.
Maro ― Vol. 1 e 3, 2018.

Quarta-feira, às 21h, com Octávio Fonseca e Pedro Ramajal

 

Podes descarregar a nossa app para Android. Basta clicar sobre a imagem.

Os Podcasts da VOZ ONLINE estão no Mixcloud

 

VOZ ONLINE é o nome da rádio licenciada pela Associação Voz Online Rádio - ARDVOZ.

Todos os direitos reservados.

 

 

 

 

 

 Registada na ERC com o nº 700077

Rua Febo Moniz, nº 13, r/c
1150-152 Lisboa
  Voz Online:  
--:--  | : 12hs-16hs -
Toggle Bar
© 2017 ARDVOZ - ASSOCIAÇÃO RÁDIO VOZ ONLINE

Please publish modules in offcanvas position.